Jogar RPG online é um assunto deveras polêmico, pois em muitos grupos de RPG o conceito de “jogar RPG” é diferente para os participantes do hobby. Existem vários grupos de discussões em aplicativos de mensagens instantâneas e nas redes sociais que abordam os assuntos relacionados. Neste artigo, falaremos sobre as experiências de jogos de interpretação online e como os fãs percebem esse fenômeno, afinal, há muitas pessoas que não possuem tempo ou jogadores disponíveis para marcar um dia para se encontrar e rolar os dados pessoalmente.

Graças ao acesso tecnológico e a expansão da internet para a comunicação de pessoas comuns, foram criados vários aplicativos para computador e celulares que possibilitam às experiências de jogo de RPG online ser bem parecidas com as sessões presenciais. Falaremos desses aplicativos e um pouco dos motivos desse assunto ter sofrido algumas polêmicas, porque em várias redes e conversas de fãs de RPG, essa forma de jogo ainda encontra barreiras acerca do que “é jogar o verdadeiro RPG”.

Jogando RPG por Skype

jogar-rpg-online-ffxv

O Skype foi um dos pioneiros em RPG online, quer dizer, excluindo os jogos eletrônicos em plataformas online. O que é levado em consideração aqui é a interação entre os jogadores, semelhante aos do RPG de mesa, simulando a presença física com o auxílio de ferramentas online para tornar isso possível.

Uma câmera, microfone e receptores de áudio são as ferramentas para ter uma mesa online “quase pronta”. As fichas dos personagens, estatísticas e rolamento de dados são feitos através de softwares que fazem esse papel. Entre os aplicativos para jogar RPG online, o Roll20, Discord e o Rolador de Dados PBEM, entre outros, são os mais usados por quem joga.

Sessões de RPG por Skype faziam muito sucesso e até hoje são realizadas nele. Entretanto, os bugs do software e variados problemas de conexão acabaram tornando-o insuficiente para várias formas de jogar. Claro que um bom equipamento ajuda a tornar a experiência mais divertida e menos problemática, mas não são todos os jogadores com essa disponibilidade de recursos. Isso colaborou para a criação de mais programas e aplicativos especializados, trazendo mais opções e facilidades para jogar RPG online.

Jogando RPG por Whatsapp

jogar-rpg-online-westworld

Grupos de discussões existem aos montes no Whatsapp, que é o aplicativo de comunicação mais usado no país. A facilidade na comunicação e criação de grupos temáticos permite reunir vários interessados no nosso hobby auxilia cada vez mais na expansão do mesmo. Existem muitos grupos regionais, nacionais e internacionais, falando sobre novidades, compartilhando ideias, sistemas e cenários entre os fãs. Até mesmo jogar RPG online para o WhatsApp já é possível!

Aí é que entra a polêmica do assunto, pois quando as ideias começaram a surgir, houveram discussões sobre essa modalidade ser ou não uma experiência de RPG real, ao ponto de lermos frases como: “Isso não é jogar RPG!” Há diferenças entre jogar RPG online através dos aplicativos de celular e aqueles onde há o encontro de amigos num local para rolar os dados, obviamente. Nada como a presença do narrador e dos jogadores num local específico, já que as fichas em papel e os dados físicos são a principal diferença para o jogo online.

Jogar RPG pelo WhatsApp traz uma série de acordos que precisam ser feitos para haver uma organização da mesa. A participação de cada um será definida em uma ordem e as regras de ações, batalhas e narrativas ficam de forma diferente da maioria dos sistemas que conhecemos.

Entretanto, existem suportes de aplicativos para o WhatsApp que podem auxiliar nessa experiência de jogo, dando possibilidade de rolar dados para estatísticas de personagens até regras simplificadas de combate. O que é necessário em narrativas de WhatsApp é a paciência de aguardar a ação de outros jogadores – que nem sempre é imediata – e os acordos para organização das partidas online serem divertidas para todos.

Jogando RPG por Telegram

jogar-rpg-online-telegram

O Telegram é bem parecido com o WhatsApp, também é um serviço de envio e recebimento de mensagens instantâneas, ficando popular no Brasil em tempos mais recentes, especialmente nos momentos que o WhatsApp teve problemas nos aparelhos celulares. Mas voltando ao RPG, o Telegram fornece outra opção interessante de jogo.

É possível instalar um aplicativo que interage com o Telegram chamado RollGram Bot que, através de comandos específicos do aplicativo, rola dados online. O Telegram se tornou uma boa opção para narrativas online, facilitando a vida de muitos participantes, apesar das suas semelhanças com o WhatsApp, esse app é mais leve que o primeiro citado e facilmente adquirível.

Jogando através de softwares para RPG

jogar-rpg-online-rolld20

Estes programas mencionados acima possuem sistemas de rolamento de dados, criação de fichas, mapas, tokens – miniaturas virtuais para localizar os personagens no mapa do cenário -, tudo administrado pelos jogadores e pelo narrador. Estes programas facilitam a vida e dão a possibilidade de criar narrativas complexas, com aleatoriedade dos resultados nos dados confiáveis para sua campanha de RPG. Nele, o narrado administra o que precisa para seus jogadores se divertirem quando a vida atarefada não traz essa abertura de encontros presenciais.

Há vídeos de campanhas inteiras sendo gravadas por jogadores de RPG do mundo inteiro através de softwares como o Roll20, que mencionamos no início do artigo. Um exemplo aqui no Brasil é o canal da Jambô Editora, que transmite campanhas de Tormenta e traz uma mesa especial só com mulheres, chamado RPG das Minas.

RPG Presencial vs RPG Online

jogar-rpg-online-presencial

Já perceberam que, no universo dos fãs de RPG, quando surgem algumas inovações para o sistema ou forma de jogar, um número grande de pessoas começa a tecer comentários preconceituosos, resistentes acerca daquilo, sem ao menos dar a chance de experimentar algo com potencial de ser interessante?

Queremos dizer que muitos ficam resistentes quando falamos de sistemas diferentes que fogem ao tradicional, cheio de estatísticas para as fichas – como no caso dos sistemas de narrativa compartilhada – existe a resistência das mudanças de uma edição para outra de um determinado sistema. Um exemplo são as edições do D&D, cujo muitos viram como boa notícia e outros nem tanto assim.

Esse tipo de conflito não é diferente ao tratarmos das formas de se jogar RPG, encontrando os participantes em um local ou jogando pela internet. Nos grupos de WhatsApp sobre RPG, um dos temas mais discutidos foi o “jeito correto de se jogar RPG”, como se houvesse um modelo preestabelecido onde tem que ser “daquela forma” específica de jogo ou não é RPG.

jogar-rpg-online-capa

Houveram discussões longas acerca do assunto e eu mesmo já participei de algumas delas. Alguns condenavam o RPG online e outros eram a favor, especialmente quando se tratava da dificuldade de achar um grupo para jogar pessoalmente. Assim como jogar por Skype, sites específicos, app de celular, entre outros, não há jeito certo e definitivo para o RPG. O verdadeiro RPG é aquele que todos se divertem tendo uma narrativa a ser contada, com jogadores e narradores imersos nessa narrativa de forma a tornar experiências incríveis, mágicas, aterrorizantes, empolgantes e muitos outros “antes”.

Leia também no Hobbismo:

E aí, já teve alguma experiência de RPG Online?

O que achou sobre o tema? Tem alguma experiência sobre jogar RPG online para contar para gente? Se já teve, o que achou do jogo e a forma como aconteceu? Houve progresso dos seus personagens e da história? Usaram app ou site para rolamento de dados? Conte para nós como foi interpretar pela câmera de seu computador, podendo colocar as dificuldades também, pois afinal, a tecnologia sempre tem suas falhas. E desejamos a todos…

http://hobbismo.com.br/wp-content/uploads/2018/06/jogar-rpg-online-capa2-1024x512.jpghttp://hobbismo.com.br/wp-content/uploads/2018/06/jogar-rpg-online-capa2-150x150.jpgRick ValerioRPGjogar rpg,jogar rpg online,RPGJogar RPG online é um assunto deveras polêmico, pois em muitos grupos de RPG o conceito de 'jogar RPG' é diferente para os participantes do hobby. Existem vários grupos de discussões em aplicativos de mensagens instantâneas e nas redes sociais que abordam os assuntos relacionados. Neste artigo, falaremos sobre...Tudo sobre seus hobbies em um só lugar!