Quem costuma frequentar fóruns de colecionadores ou grupos em redes sociais já deve ter se esbarrado com a expressão cambismo. Para quem não está muito familiarizado, cambismo é o nome dado a prática de pegar um item por um preço baixo ou na média praticada pelo mercado e vendê-lo por um valor abusivo. Óbvio que a prática não é nada bacana e explicamos o motivos nos parágrafos abaixo.

cambismo

A prática de vender alguma figura ou peça que não se encaixa na sua coleção é normal. Para falar a verdade essa é uma das coisas mais legais nas comunidades de colecionadores. Garimpar aquela figura que está a tempos procurando e, mesmo que seja uma action usada, a sensação de fechar aquele conjunto querido é mágica. Na negociação dos valores é normal querer ganhar um trocado a mais na venda. Mas existe um limite e é isso que transforma uma venda com lucro justo em uma venda de valor abusivo, ou seja, cambismo.

Essa prática infelizmente se tornou normal e é muito prejudicial para o mercado. Algumas figuras acabam com preço inflacionados e em pouco tempo atingem preços absurdos, chegando até a dez vezes o valor de lançamento. As figuras limitadas são as que mais sofrem. Os cambistas compram um bom número desses colecionáveis, tirando a chance de um colecionador adquirir a figura desejada. Outras ações praticadas envolvem a especulação de valores em fóruns e grupos de discussão. Isso acaba por causar confusão, fazendo com que vendedores elevem os preços devido ao que se é falado nestas discussões, se tornando o preço “normal” das peças algumas vezes sem nenhum tipo de comprovação.

Como o cambismo prejudica o mercado de action figures

Para exemplificar, podemos citar duas situações específicas: uma aconteceu na Comic-Con Experience (CCXP) de 2016, com  uma peça limitada do Gavião Negro da Iron Studios. Como ela seria vendida exclusivamente no evento, o colecionável se esgotou rapidamente, mesmo que sua venda fosse limitada a duas peças por pessoas. muitos compraram aos lotes e no dia seguinte após seu esgotamento no evento já era possível encontrá-las nos grupos por três vezes o valor que foi comprado.

cambismo-gaviaccxp

Outro exemplo clássico é a linha Cloth Myth EX da Bandai Namco do anime dos Cavaleiros do Zodíaco. Por ser um anime muito popular no Brasil, as figuras tem alta especulação e procura, sofrendo um aumento de preço absurdo. Para se ter uma ideia de como o cambismo eleva o preço de algumas action figures, essa em particular era vendida a R$ 170,00 no lançamento. Mesmo com os aumentos do dólar as figuras ficariam entre R$ 270,00 e R$ 330,00. Porém, o preço hoje chega a R$ 700,00. Isso aconteceu devido a especulação dos preços nos grupos e fóruns por cambistas.

cambismo-vitimas
Duas action figures que sofreram aumentos absurdos de preço por conta do cambismo

Em vários níveis essa prática é prejudicial para a comunidade de colecionadores. O cambismo tira a possibilidade de adquirir uma peça rara, mantém a especulação de preços nas alturas e causa um desgaste em discussões gigantescas nos fóruns. Então não pratique o cambismo e denuncie sempre que puder, para que nossas comunidades sejam mais saudáveis e acessíveis para novos membros.

Já se sentiu lesado por alguma prática de cambismo?

Agora que especificamos o que é o cambismo e seus efeitos no mercado, queremos saber de vocês: já comprou alguma action figure com preço muito acima do que é considerado normal? Como se sentiu e quanto de dinheiro perdeu nisso que deveria ser um hobby agradável? Comente conosco e nos conte sua história!

Veja também:

http://hobbismo.com.br/wp-content/uploads/2017/03/cambismo_01.jpghttp://hobbismo.com.br/wp-content/uploads/2017/03/cambismo_01-150x150.jpgAlex CarvalhoAction FigureSliderAction FigureQuem costuma frequentar fóruns de colecionadores ou grupos em redes sociais já deve ter se esbarrado com a expressão cambismo. Para quem não está muito familiarizado, cambismo é o nome dado a prática de pegar um item por um preço baixo ou na média praticada pelo mercado e vendê-lo por...Uma fonte, muito conteúdo